HORÁRIOS DE FUNCIONAMENTO E SESSÕES NO PLANETÁRIO

NOSSO ENDEREÇO,CONTATOS E AGENDAMENTOS

CCTECA- GALILEU GALILEI

Av.Oviêdo Teixeira,51Bairro Jardins
(Dentro do Parque da Sementeira )
CEP:49026-100 Tel:(79)32173370
E-mail:ccteca.planetario@yahoo.com.br

AGENDAMENTO DE ESCOLAS E INSTITUIÇÕES-ligue Tel:(79)32173370

OBS: somente é necessário o agendamento de escolas, agências de turismo e grupos com mais de 10 pessoas. Após o agendamento, por telefone ou pessoalmente, a instituição ou escola deverá enviar um ofício, por e-mail para ccteca.planetario@yahoo.com.brcontendo as seguintes informações: nome da instituição ou escola, data da visita, horário da visita e a quantidade de alunos (de 10 a 100 pessoas de terça à sexta e 50 pessoas, no máximo, aos sábados), conforme o agendamento. O ofício deve ser direcionado ao Prof. Augusto Cesar Silva Almeida - diretor do Planetário da CCTECA Galileu Galilei.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO ,VISITAÇÃO E ATRAÇÕES

A CCTECA Galileu Galilei é um projeto piloto do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCTI) implementado pela Prefeitura de Aracaju através de seu orgão SEPLAN e com consultoria da UFS. Atualmente a instituição encontra-se como uma unidade da SEMED Sectretaria Municipal da Educação e funciona de terça à sexta de 9h às 12h e das 14h às 17h, aos sábados e domingos funcionamos das 14h às 17h . Na segunda-feira o expediente é interno e não funcionamos nos dias de feriados. A visita em nosso complexo é aberta a qualquer público e sem cobrança de ingressos ou taxas e tem a duração, em média, de duas horas e meia :meia hora no Planetário e duas horas na Experimentoteca com seus 111 experimentos. A visita é guiada por monitores(todos universitários) que explicam como funciona cada equipamento, qual o seu princípio de funcionamento e aplicações desses princípios em nosso dia-a-dia.

ATRAÇÕES DA CCTECA GALILEU GALILEI

SALA DE BIOLOGIA, Sessões diárias no Planetário digital, visitação guiada por monitores aos 111 experimentos, projeto OBSERVAÇÕES COM TELESCÓPIOS,projeto OBSERVANDO A (ISS)ESTAÇÃO ESPACIAL INTERNACIONAL, Projeto ASTRONOMIA NO INTERIOR(Palestras de Astronomia e observações com telescópios na sua cidade), Projeto CAFÉCONSCIÊNCIA (debate mensal com cientistas convidados), projeto JOVEM CIENTISTA(orientação científica para estudantes do 5º ao 9º ano), projeto CAÇA AO CURISCO (busca de meteoritos em solo sergipano), Projeto SAVE THE PLANET (recolhimento de pilhas, baterias para reciclagem), Coleção de Meteoritos (Lunar, Marciano etc.),coleção de TROMBOLITOS com 120 milões de anos e uma coleção sobre Astronomia intitulada "Paisagem Cósmicas" com 20 imagens sobre o Universo.


CCTECA GALILEU GALILEI AGORA NA WIKIPÉDIA

COMO CHEGAR À CCTECA GALILEU GALILEI

INFORMAÇÕES SOBRE 35 MUSEUS EM SERGIPE

LÊR FAZ BEM A MENTE

LÊR FAZ BEM A MENTE

quinta-feira, 25 de maio de 2017


25 DE MAIO - DIA DO MOURÃO.
No dia 25 de maio de 1935, nasceu no Rio de Janeiro, Ronaldo Rogério de Freitas Mourão.
Ronaldo Mourão foi um dos grandes divulgadores da astronomia e astronáutica antes da era da internet.
Conseguir aumentar o conhecimento naquela época era uma "conquista de anos-luz", em que o conhecimento científico era escasso.

Seus livros, suas entrevistas na TV e suas postagens mensais na revista Superinteressante levou milhares (talvez milhões) de pessoas a gostarem e aprofundar os conhecimentos em astronomia e astronáutica.
Ronaldo Mourão publicou 98 livros e mais de mil ensaios em revistas e jornais. As suas principais contribuições astronômicas foram efetuadas no campo das estrelas duplas, asteróides, cometas e estudos das técnicas de astrometria fotográfica.
Seu interesse pelo céu começou em 1942, com 7 anos de idade de idade quando observou um cometa. Filho de médico, sempre gostou de ciências.
Ronaldo Mourão publicou seus primeiros artigos de divulgação científica na revista Ciência Popular em 1952.
Mourão ingressou na Universidade do Estado da Guanabara (atual UERJ) em 1956 e diplomou-se em Física quatro anos depois. No mesmo ano em que ingressou na universidade foi nomeado auxiliar de Astrônomo do Observatório Nacional (ON), atuando como Astrônomo Chefe de 1968 a 1975.
Mourão foi o Fundador do Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST), na cidade do Rio de Janeiro.
Mourão foi um dos poucos astrônomos brasileiros que ajudaram no Programa Espacial Norte-americano com os transientes lunares nas missões Apollo. Uma das observações dos astrônomos brasileiros foi confirmada pelos astronautas da missão Apollo 11, a primeira a pousar na Lua.
São tantas as homenagens e títulos recebidos pelo insigne astrônomo que é difícil enumerar todas aqui.
Ronaldo Mourão partiu para as estrelas no dia 25 de julho de 2014, aos 79 anos, vitimado por um Acidente Vascular Cerebral (AVC). O cientista estava acometido a 14 anos com o Mal de Parkinson e no dia 19 de julho de 2014, foi internado no Hospital Quinta D'or, em São Cristóvão, no Rio de Janeiro, com pneumonia, tendo seu quadro clínico agravado.
Sua morte deixou um Buraco Negro na astronomia brasileira, mas com certeza temos uma brilhante estrela no céu e um asteróide nomeado com o seu nome.
Esta justa homenagem foi feita em vida com a nomeação do asteroide 1980 KJ para 2590 Mourão.
Após a sua morte, a Comunidade Astronômica e Astronáutica brasileira "adotou" o dia 25 de maio como o Dia Do Mourão.
Uma célebre frase de Ronaldo Mourão quando perguntaram sobre a Astrologia:
Ao lançar "O Livro de Ouro do Universo", em 2001, mais uma obra do astrônomo, ele acabou revelando que é cético em relação às previsões dos astros. Durante uma entrevista, o cientista surpreendeu ao comentar sobre a astrologia, e disse a célebre frase:
É claro que os astros não mentem jamais. Eles não dizem nada mesmo.
Ronaldo Mourão.

domingo, 7 de maio de 2017

OBSERVATÓRIO NACIONAL OFERTA CURSO DE ASTRONOMIA GRATUITO, INSCREVA-SE JÁ

                                                PARA INSCREVER-SE CLICK AQUI

domingo, 26 de março de 2017

SIMULADOR DE CHUVA DE METEOROS

                                                     PARA SIMULAR CLICK AQUI 

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

CCTECA E SEASE REGISTRAM PASSAGEM DO ASTEROIDE VESTA NO CÉU DE ARACAJU



  Uma equipe formada por três astrônomos amadores, AUGUSTO CESAR S.ALMEIDA coordenador do Planetário da CCTECA Galileu Galilei, EDEN SIMÕES e WAGNER ARAÚJO VASCONCELOS sócios da SEASE-Sociedade de Estudos Astronômicos de Sergipe participaram do evento internacional ASTEROID DAY, representado no Brasil pelo Gaea-Grupo de Apoio a Eventos Astronômicos e conseguiram localizar e fotografar a passagem do asteroide Vesta no céu da cidade de Aracaju.
Asteroides são, de uma maneira geral, restos da formação abortada de um planeta rochoso que teria aproximadamente quatro massas terrestres, mais especificamente são objetos secos, poeirentos e pequenos demais para reter atmosfera, fato este que os diferenciam dos cometas. A maioria dos asteroides encontra-se no chamado Cinturão de Asteroides, localizado entre as orbitas dos planetas Marte e Júpiter e apresentam períodos variando, em média, de 1,7 a 5,5 anos, com órbitas ligeiramente elípticas e de baixa inclinação e se movimentam no mesmo sentido dos planetas. De acordo com a sua composição são divididos em três classes: tipo C (Carbonáceos) a vasta maioria, tipo S (Silicatos) e os mais populosos os de tipo M (Metálicos).
O asteroide VESTA foi descoberto em 27 de março de 1807 e localiza-se no Cinturão de Asteroide entre as órbitas de Marte e de Júpiter com aproximadamente 560Km de diâmetro, por isso é considerado um asteroide de grande porte. VESTA distancia-se do Sol, em média, cerca de 353 milhões de quilómetros, com período orbital de 3,63 anos e com baixa densidade, gira em torno de seu próprio eixo em 5,34 horas. Sua superfície reflete uma grande quantidade de luz por isso ele é considerado o mais brilhante dos asteroides e o único visível a olho nu em boas condições de observação.Observem a sequência de imagens efetuadas durante os trabalhos de detecção e registro do asteroide VESTA. 








ARQUIVO DO BLOG

VÍDEOS SOBRE A CCTECA, ASTRONOMIA,ASTROFÍSICA E ASTRONAUTICA

Loading...